Anulação de um seguro automóvel

Se subscreveu um contrato de seguro automóvel com determinada seguradora mas pretende rescindir esse contrato saiba como fazê-lo sem ter dores de cabeça. Os motivos que levam a anular um contrato de seguro são vários e consoante o mesmo deverá agir em conformidade.

Anular por motivo de preço

Recebeu o aviso de pagamento e acha que o valor é demasiado caro? Comparou com a concorrência e pretende mudar de seguradora? Ou simplesmente não gostou do serviço prestado pela companhia na resolução de um sinistro? Se algum destes exemplos é o seu caso então basta não pagar na renovação da anuidade para o contrato ser dado sem efeito. No entanto, deve ter especial atenção se o pagamento estiver a ser feito por débito em conta. Neste caso deve avisar a seguradora com algum tempo de antecedência, o ideal são 30 dias, para o contrato ser anulado e não lhe ser debitado o valor correspondente à anuidade que está a iniciar.

Anular por venda do automóvel

Suponhamos que está a meio da anuidade e vendeu o seu carro. Desta forma deixou de ter interesse no seguro e pretende proceder à sua anulação. Se o motivo for venda, acidente, extinção de matrícula ou outro argumento forte a seguradora é obrigada a restituir-lhe o valor do seguro correspondente ao tempo não decorrido. Se for este o seu caso deve apresentar prova do motivo da anulação e pedir na sua seguradora o respectivo estorno.

Documentos a entregar

Se pretende anular o seguro a meio do vencimento por já não possuir o objecto seguro deverá entregar na sua seguradora o comprovativo de venda da viatura ou outro documento que prove que já não possui o veículo, o respectivo postal de anulação normalmente fornecido pelas companhias e a carta verde e respectiva vinheta. A falta do comprovativo ou da carta verde e da vinheta podem levar a seguradora a não estornar o tempo que falta decorrer até ao vencimento da apólice.

Suspensão do seguro

Possui um contrato de seguro com determinada seguradora. Tem bom preço e está satisfeito com o serviço prestado, mas vendeu o seu carro. Se for este o seu caso então a melhor solução para si será suspender o contrato. Um seguro automóvel pode ser suspenso por um prazo máximo de 120 dias, período após o qual a apólice anula se, durantes estes 120 dias, não for colocada outra viatura na apólice. A suspensão é uma boa alternativa à anulação pois permite manter a apólice sem perder bonificação. Além disso, se após decorridos os 120 dias não tiver ainda comprado carro, a apólice anula com efeitos desde o dia em que a mesma foi suspensa. Outra vantagem da suspensão é que não paga o tempo em que a apólice estiver suspensa.

Quer opte pela anulação ou pela suspensão deverá sempre expôr a sua situação à sua seguradora, pois cada caso é um caso. O seu mediador ou a companhia se seguros indicar-lhe-ão a melhor solução para si.

Exemplo de um pedido de anulação

  • O seu nome
  • Morada

À Companhia de Seguros …

Morada da seguradora

Algés, 02 de Novembro de 2010

Exmos. Srs.

Venho por este meio solicitar a anulação da minha apólice nº 000111000, a partir da presente data, por motivo de venda de veículo. Desde já anexo o comprovativo de venda e a carta verde com a respectiva vinheta.

Fico a aguardar o estorno a que tenho direito

Atentamente,

O seu nome

Subscrever actualizações

rss

Comentários

  1. Bruno diz:

    Boa tarde,

    Gostaria, se possível que fosse esclarecida uma dúvida.

    Tenho um seguro em que a modalidade de pagamento é dividida em duas prestações.
    A segunda prestação vence no final deste mês, mas por motivos de falta de profissionalismo da empresa de seguros quero mudar de companhia.
    O simples de facto de não efectuar o pagamento dessa prestação basta para dar por cancelado o seguro?
    Uma vez que o seguro está fracionado em duas prestaçãoes, terei de pagar a totalidade da anuidade?
    A legislação obriga a algum procedimento prévio?

    Agradeço desde já a vossa atenção,

    Bruno Santos

    • Sandra diz:

      Caro Bruno
      O correcto é transferir os contratos nos seus vencimentos, respeitando desta forma a anuidade da apólice. Por outro lado é verdade que, ao não efectuar o pagamento, o contrato anula precisamente por falta de pagamento. Se está mesmo insatisfeito com a seguradora e não pretende continuar a trabalhar com a mesma, então basta não fazer o pagamento que o seguro fica anulado.
      No entanto, todas as empresas melhoram os seus serviço ouvindo e analisando opiniões. Por isso aconselho que escreva uma carta à seguradora explicando os motivos do seu descontentamento.
      Sandra

  2. Eduarda Nascimento diz:

    Boa tarde,
    Gostaria, se possível que fosse esclarecida uma dúvida.

    Eu pretendo anular o seguro automovel que possuo actualmente, no entanto a prestação já venceu em Julho transacto e já me foi retirada da conta bancária, uma vez que foi efectuado por tranferência.
    Dirigi-me à seguradora em questão que me informou que só poderia anular o seguro caso tivesse vendido a viatura ou estive tido um acidente e o carro estivesse para abate.Caso contrário não poderiam fazer o estorno do dinheiro. Pois não se trata de uma coisa nem outra, apenas não tenho interesse em continuar com aquele seguro.

    Esta informação é correcta?
    Se sim, existe alguma legislação que valide o que a seguradora me informou?

    Obrigada pela vossa atenção

    Cumprimentos,
    Eduarda

  3. Ana diz:

    Boa tarde.
    Tive um acidente de viação a 29 de Outubro do ano passado. O seguro do carro foi anulado mas desde essa altura que o estorno ainda não me foi pago.
    Como devo proceder?
    O estorno a receber conta a partir do dia de imobilização do veículo ou apenas a partir do dia de anulação do seguro?
    Agradeço que me esclareçam. Obrigada.

    • Luís Miguel Fonseca diz:

      Bom dia

      O estorno será pago desde o dia da anulação do seguro. Para o poder receber deve entregar juntamente com o pedido de anulação, a carta verde (e selo do seguro que tem no vidro), e um comprovativo de envio de viatura para abate ou comprovativo de venda do salvado

  4. Sérgio Sousa diz:

    Boa noite,

    Gostaria de levantar a seguinte questão:

    A apólice de seguro auto termina em 15-03-2012 e só lá para 15 de Fevereiro é que vão enviar-me a renovação da nova anuidade, no entanto se não me agradar o prémio a pagar face a outras simulações de outras seguradoras posso solicitar a anulação da apólice não respeitando 30 dias que antecedem a anuidade e contratar nova apólice noutra seguradora?

    Cumprimentos

  5. antonio lopes diz:

    a partir do momento que o seguro é anulado por venda do veiculo quanto tempo demora a seguradora a pagar os meses nao utlizaveis….abraço obrigado

  6. Nuno diz:

    Olá

    Peço desculpa por ainda não ter aprovado nem respondido aos últimos comentários com dúvidas. Após várias questões levantadas nos artigos, onde é por vezes não é fácil responder.

    Criei um espaço dedicado ao esclarecimento de dúvidas sobre seguros e a questões relacionadas com seguros.

    Visitem em: http://perguntas.mediador.pt

    Votos de sucesso
    Nno

  7. Diogo diz:

    Boa tarde,

    No passado mês de março a minha seguradora como todos os meses cobra o seguro, após isso anula o seguro e nao refere os fundamentos, e nem avisa que o fez. Opós esse “episódio” nao pude circular com o carro, mas tinha pago o prémio. A seguradora esta obrigada a indemnizar me pelos lucros cessantes que eu vinha a auferir com a circulação do meu veiculo? pois nao consegui realizar alguns negocio pois nao poderia circular com o automóvel. Ou só esta obrigada a pagar o respectivo premio de seguro? Obrigado

  8. Jorge Dias diz:

    Gostaria de saber, quanto tempo, têm as seguradoras, por lei para fazer na integra a devolução do dinheiro recebido, isto é o chamada “Estorno” Chama-se estorno e por lei o montante a que o cliente pode ter direito por anulação do contrato.

  9. Manuel Castanho diz:

    Boa tarde. Gostaria de saber se posso mudar ou transferir o meu seguro automóvel para outra empresa seguradora por justa causa se o seguro que tenho é antigo e não está atualizado e já pago até ao 8 de Outubro 2013. O da concorrência é mais barato e vantajoso. Agradeço resposta.

  10. Joaquim Gafanha diz:

    Fiz um seguro de uma moto, passados 5 dias verifiquei que numa outra companhia o mesmo seguro ficaria cerca de 60€ menos, gostaria que me informassem se tenho de pagar os dias em que estive segurado, ou posso revogar o contrato sem qualquer problema, existe um periodo de reflexação em que posso desistir? Obrigado

  11. Dina Nunes diz:

    Bom dia! Tenho um seguro de acidentes de trabalho porque era trabalhadora liberal, o chamado falso recibo verde. Fui dispensada e cessei a actividade nas finanças. O seguro é anual de Janeiro a Dezembro, como faço para reaver o estorno? É necessário carta junto da seguradora?

  12. Jorge Teixeira diz:

    Bom Dia. Tenho um seguro auto e pretendia suspende-lo por 3 meses, pois estarei ausente e não preciso do carro não tendo nescessidade de pagar esses meses, será possivel e como proceder?
    Obrigado.

  13. Marisa Gonçalves diz:

    Bom dia,

    Estou insatisfeita com a minha seguradora relativamente ás coberturas vs prémio.
    Renovei contrato no inicio deste ano mas agora queria mesmo mudar para outra companhia.
    Posso resolver o contrato e obter o estorno do valor correspondente aos restantes meses?
    Como posso fazer?

    Obga,



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue mediador.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.