Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Erros comuns na designação de apólices de seguros

Este artigo visa demonstrar de como às vezes os termos utilizados para caracterizar os seguros podem estar errados e podem também levar a tirar falsas interpretações do que está incluido na apolice de seguro. Convêm mais do que tudo saber realmente o que está coberto numa apólice de seguro. A gíria linguística por vezes não ajuda ao entendimento destes assuntos. Pode até parecer um preciosismo.

Seguro de saúde ou de doença

O caso do seguro de saúde é o caso mais flagrante, já que poucas pessoas sabem que o termo técnico dos seguros para este tipo de seguro é seguro de doença.

Pois cobre os risco em caso de doença, pois caso haja saúde não existe nada para cobrir, se bem que a utilização de coberturas com as de estomatologia (dentistas) ou ofalmologia (óculos) possam parecer descabidas, a verdade é que existe uma doença nos dentes ou nos olhos. O objectivo deste seguro é prevenir riscos de saúde e tratar doenças.

Seguros contra todos os riscos ou danos próprios

Um outro erro comum está na designação dos seguros de responsabilidade Civil automóvel onde a cobertura de danos próprios é muitas vezes chamada de seguro contra todos os riscos. Nos veiculos automóveis (carros e motos) a verdade é que o este tipo de seguro está longe de ser contra todos os Riscos/acidentes, pois as exclusões assim o determinam, por exemplo não existem seguros que funcionem, em caso do condutor ter possuir uma taxa de alcolémia superior ao permitido por lei, e outras situações contrárias à lei. Para concluir não existe nenhum seguro que cubra riscos de acções contrárias à lei ou que sejam considerados crimes.

No mundo dos seguros é importante comprender bem os o que está nas apólices (termos e condições) para não cair em erros de interpretação e consequente falta de protecção para os bens e vida das pessoas seguras.

Subscrever actualizações

rss

Comentários



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue mediador.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.