Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

História da N Seguros

Inicialmente integrada no “extinto” Banco Português de Negócios (BPN), a N Seguros pertence desde a data de falência da instituição ao Grupo Montepio, consórcio que levou a melhor sobre a concorrência na aquisição desta empresa seguradora nascida em Fevereiro de 2008, meses antes do escândalo da entidade que a havia criado. Porém, desde a passagem da sua gestão para a associação mutualista Montepio Geral que se tem verificado um crescimento assinalável do volume de negócios em Portugal.

Desde o primeiro dia da sua fundação que se percebeu que a N Seguros era uma clara tentativa de resposta às duas companhias de seguros low cost que já exerciam actividade em solo nacional, a Logo Seguros e a Seguros Continente. Nesse sentido, as coberturas oferecidas deveriam pautar-se pelos mesmos critérios e objectividade da concorrência, o que se veio efectivamente a verificar nos principais domínios nesse campo, os baixos custos das apólices e o restrito número de coberturas disponíveis comparativamente ao segmento regular das companhias de seguros.

No presente momento a N Seguros dispõe de um painel de apólices destinadas ao ramo automóvel e moto, facultando ainda produtos específicos para automobilistas com mais de 60 anos (N Auto Senior) e para as condutoras (N Auto Woman). Contudo, a extensão das mesmas cinge-se à protecção jurídica, assistência e apoio automóvel, contemplada de forma algo diferenciada nos vários títulos comercializados, embora esteja igualmente autorizada a exercer actividade nos ramos Não Vida da saúde, multi-riscos habitação, acidentes pessoais, acidentes de trabalho (empregada doméstica), caçadores, viagem e embarcações de recreio.

Parte impulsionadora dos lucros da Real Seguros, a N Seguros, empresa mais recente do grupo, baseia o seu funcionamento exclusivamente através do telefone e da internet, não detendo qualquer licença de estabelecimento de portas abertas ao público. Apesar disso, a empresa segue um papel activo na assistência em local de sinistro, especialmente para garantir a redução do peso das fraudes no relato dos acidentes.

Sediada na Zona Industrial da Maia, a entidade começou inicialmente por expandir o seu negócio nos centros urbanos através do contacto directo, sobretudo telefónico, mas em poucos meses encetou uma estratégia de nacionalização que ganhou força com o slogan “N Seguros… N Soluções”. O resultado do marketing no seu todo – a procura de clientes pela inquirição imediata e a imagem criada nos meios de comunicação – foi o avolumar da carteira de clientes e o reconhecimento da entidade como credível e fiável, dois valores obrigatórios para se vingar no mundo dos seguros.

WebSite: www.nseguros.pt

Subscrever actualizações

rss

Comentários



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue mediador.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.