Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Seguro de caça = Protecção de caçadores

Se nos primórdios da nossa existência o Homem caçava para sobreviver, hoje em dia a caça é um desporto, um escape para aliviar o stress ou simplesmente uma desculpa para passar o dia fora com os amigos. Se é caçador então anime-se pois a época está a começar. Está então na altura de começar a tratar de alguma papelada.

Para praticar legalmente este desporto é obrigado a subscrever um seguro de responsabilidade civil. A este nível as seguradoras oferecem um vasto leque de coberturas para o satisfazer: desde a responsabilidade civil, que é obrigatório, até à salvaguarda de cães e armas. Vamos fazer uma viagem por algumas das coberturas.

Responsabilidade Civil

Estas apólices podem ter dois tipos de responsabilidade civil (RC): RC para a actividade de caça e RC para uso e porte de arma. A primeira garante danos causados a terceiros no exercício da caça quer por armas de fogo quer pelos cães de caça e deve ter um capital mínimo de €100.000,00. A segunda, igualmente imposta por Lei, deve ter um capital mínimo garantido de €100.000,00 e cobre os danos causados a terceiros resultantes do uso e porte de arma ou detenção de arma de fogo. Ou seja, este seguro é obrigatório mesmo para quem seja somente titular da licença de detenção ao domicílio.

Estes seguros podem ser subscritos na mesma apólice ou em apólices diferentes.

Danos a Cães

Algumas seguradoras incluem a possibilidade de se subscrever várias coberturas além das obrigatórias por Lei. Uma das quais é a opção de se salvaguardar os danos causados ao cães de caça do segurado. Se acidentalmente ferir ou matar um cão seu, a Companhia paga-lhe uma indemnização pré determinada aquando da subscrição da apólice.

A contratação desta cobertura pode ser uma boa aposta se tiver cães de raça e não quiser perder todo o capital investido nos bichos.

Danos a armas de caça

Uma arma de caça pode ser bastante cara. Ao contratar esta cobertura ficam salvaguardados os danos causados não só à espingarda como também a arco, besta ou virotão. Estes danos podem ser originados em consequência de explosão, quebra, furto ou roubo da arma desde que ocorridos no local da caça e durante o exercício da mesma.

Mas atenção se o dano tiver ocorrido por motivos de limpeza ou pelo próprio desgaste da arma, o mesmo não fica garantido.

Morte ou Invalidez

Se contratada esta cobertura, a seguradora garante o pagamento de um capital predefinido em caso de morte ou invalidez do segurado. No caso de morte é pago um capital aos herdeiros designados pelo segurado. Em caso de invalidez é pago um capital específico ao segurado. Ambas as cobertura só são válidas se o acidente ocorrer no local e durante o exercício da caça.

Caçador prevenido…

Pense bem antes de contratar qualquer seguro. Compare preços e coberturas. Lembre-se que nem sempre tudo o que parece é. Seja cauteloso e confirme se o preço mais barato de uma seguradora contempla realmente as mesmas coberturas e os mesmos capitais que outra mais cara. E decida com segurança. Existem no mercado apólices bastante completas por um preço bastante acessível. Mas se pretende unicamente o seguro de caça obrigatório então decida-se pela mais barata pois como as coberturas são impostas por Lei são iguais em todas as Companhias.

Subscrever actualizações

rss

Comentários

  1. antonio magalhaes diz:

    Boa tarde ha sensivelmente 5 anos tirei a carta de caça e uso e porte de arma ,agora tenho um problema e que tenho de renovar o uso e porte de arma mas para isso tenho que ter um seguro de responsablidade civil mas ai e que reside e que as seguradoras so fazem os 2 seguros mas e que eu nao tenho arma . Poderiam ajudar como dar a volta ,ou indicar qual a seguradora que pode fazer . Data de nascimento 18-08–1987 Sou do destrito do Porto .



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue mediador.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.