Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Seguros exigíveis na compra de habitação

Com a aquisição de uma habitação vêem, também, diversos encargos, que são responsáveis pela dificuldade que muita gente hoje em dia encontra em adquirir uma casa própria.

Os seguros exigíveis na compra de uma casa são vistos como um um empecilho para muita gente, mas a verdade é que, mediante certas situações, até se podem revelar bastante vantajosos, prevenindo o comprador de experienciar situações desagradáveis.

Seguro de vida

Para quem adquire uma habitação através de um pedido de empréstimo ao banco, é comum um seguro de vida ser requerido. Estes seguros têm como beneficiário o banco, e assentam no propósito de evitar que, caso o comprador morra, o banco seja financeiramente prejudicado por toda a situação. É um encargo pouco proveitoso para quem já tem diversas contas às costas, mas geralmente é a única forma de se ter acesso a um crédito habitação.

Seguro de incêndio

Quem procede à compra de uma casa utilizando capital próprio, só terá de se preocupar com o pagamento de um seguro de incêndio, pois este seguro é obrigatório por lei. Previne conta os risco de incêndio, raio e explosão.E vem muitas vezes acoplado do multiriscos habitação.

Seguro multi-riscos habitação

O multi-riscos é frequentemente visto como mais um encargo desagradável para o comprador, mas é uma despesa imprescindível a ter na compra de uma casa. Os seus valores são variáveis consoante a seguradora escolhida, adicionam novas coberturas sendo por isso bastante úteis.

Os multi-riscos têm por objectivo cobrir o valor dos danos causados pela destruição física de partes de sua casa, dividindo assim consigo as despesas resultantes de um acidente que comprometa a integridade da sua habitação e de prejuízos resultados de vários acontecimentos: conforme contratado com a seguradora.

Para além dos seguros exigíveis, existem ainda outros de que poderá usufruir caso assim o deseje. Dependendo do género da sua habitação, seguros como, por exemplo, contra roubos, poderão revelar-se de grande utilidade no caso de um dia vir a experienciar uma situação desagradável deste género.

Caso a situação económica assim o permita, o ideal será colocar a hipótese de exploração de mais algumas coberturas, sendo que as mesmas poderão revelar-se uma ajuda preciosa caso se veja prejudicado por uma situação imprevista.

Subscrever actualizações

rss

Comentários



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue mediador.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.